A Regra dos 3 segundos é válida?

Todo mundo já ouviu – e a maioria já aplicou – a regra dos 3 segundos: se uma comida cai no chão e você a pega rapidamente, não dá tempo dela ser contaminada e você pode comer.

Sou da teoria do “o que não mata, fortalece”. Só em casos extremos alguém vai ter problemas muito graves com uma infecção alimentar, ainda mais nessas condições, mas todo cuidado é pouco. Então, os cientistas ingleses (sempre eles!) da Universidade Manchester Metropolitan fizeram um estudo usando 5 tipos de alimentos: pão com geléia, massa, presunto, biscoito e frutas secas para verificar a validade desse mito. Os alimentos foram escolhidos levando em conta serem consumidos pela população inglesa com frequência e por conterem niveis diferentes de quantidade de água (o que interfere diretamente no crescimento das bactérias que infectam alimentos).

comidachao

O experimento consistia em deixar os alimentos por 3, 5 e 10 segundos para verificar o que acontecia.

O resultado? Quanto mais salgado ou açucarado for um alimento, menor o risco de contaminação.

O presunto (salgado) e o pão com geléia (açucarada) permaneceram sem modificações, já que é muito difícil uma bactéria se desenvolver nesses alimentos processados. Já na massa e nas frutas secas, foram encontrados sinais de infecção. O biscoito também se mostrou inalterado após o teste, provavelmente devido a baixa quantidade de água nele.

Conclusões? Poderia dizer que quanto menos saudável for o alimento, menos infectável ele é. Mas a questão é: eu adoro os cientistas ingleses!

Fonte

Talvez você também goste

2 Comentários

  1. O problema de coisas tipo geléia, presunto, etc, é que pode grudar coisas hahaha

    Mas sou dessa regra só na minha casa. Em outros lugares, vai saber né?! ahha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *